14 julho 2008

Será que sou só eu que noto estas coisas?

Mas... já alguém notou a forma irritante como Sócrates usa a palavra "mas"? Ele não usa o "mas" no sentido de contraste, mas sim no sentido de reforçar o que estava a dizer anteriormente (bastaria um "e"...) Por vezes a conjugação de idéias ligadas pelo "mas" é mesmo algo desconexa.

Por exº (discursos fictícios*):

"Diminuimos o défice, aumentámos as exportações mas... vamos investir mais em obras publicas"

"Diminuiram as listas de espera, melhorámos os resultados escolares em Matemática mas... vamos aumentar as prestações sociais aos mais desfavorecidos".

"A Europa e o Médio Oriente têm de se unir em torno da paz e da cooperação, mas... também na educação e democracia"

Dr Matt Cunha

(*falta de tempo e pachorra para ir ao google )


2 Comments:

Anonymous Meiguito said...

Sim, só tu é que reparas nestas coisas!

6:05 da manhã  
Anonymous Zé Trocas said...

Por alguma razão sou chamado Zé Trocas ... deste lado do mas sou o Primeiro Ministro ... mas ... deste lado do mas sou a voz da Oposição.
.
Na mesma frase sou capaz de apoiar as medidas do meu governo ... mas ... sou também capaz de dar voz às propostas da oposição.
.

6:12 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home